Crentes úteis

28/07/2013 - Congregação em Potosí

Crente é aquele que crê em algo ou alguém, no sentido amplo, e usualmente se diz do que, de certa forma, crê em Jesus.

Assim muitos podem se considerar crentes. Mas é bem evidente que alguns crentes são usados mais que outros, nos revelando uma diferença entre crentes comuns e crentes úteis.

No episódio narrado em Lucas 19:29-40, Jesus mandou buscar um jumentinho. Uma tarefa simples, mas que nos mostra alguns princípios importantes observados nos crentes úteis à sua obra.

Primeiramente, podemos ver que crentes úteis a Jesus, convivem com Ele - "seus discípulos". Comunhão com seu Senhor é a primeira razão pela qual Jesus lhes dirigiu a palavra. Até que é possível pedir favores ou mesmo dar-se ordens a estranhos. As pedras clamariam. Mas todos reconhecemos ser bem mais confortável e confiável compartilhar necessidades com pessoas mais próximas e intimas. Os discípulos andavam com Jesus. Passavam os dias juntos, sabiam de seus ideais e concordavam com seus planos. Crentes alheios à vida de Jesus não participam de seus propósitos, e portanto nem sempre são úteis.

Também podemos observar que, crentes úteis obedecem a Jesus. Os discípulos poderiam ter questionado os porquês, quem era o dono do burrinho, porque um filhote, ou tantas outras perguntas que crentes comuns fazem quando desafiados a uma missão. O fato de nem sempre compreenderem os desígnios de Deus, não dá a seus servos o direito de questioná-lo, porque ele é o Senhor. Os discípulos de nosso exemplo apenas obedeceram, sem perguntas nem má vontade. E quando foram questionados por suas ações, se defenderam repetindo fielmente a orientação de Jesus. "O Senhor precisa dele". A Palavra de Deus é a defesa dos crentes úteis, a serviço do Senhor.

E finalmente, crentes são úteis quando glorificam a Deus. "Gloria nas alturas". Sermos crentes úteis a nós próprios ou a instituições humanas, até pode gerar benefícios e coisas belas. Mas o propósito da igreja de Jesus é, tão somente glorificar a Deus. E os crentes serão úteis quanto seu trabalho glorificar a Deus, em Jesus, seu Senhor.

Para que o mundo receba Jesus como o verdadeiro Rei, nossa igreja não precisa de heróis na fé. Mas, apenas de crentes úteis. "A multidão louvou a Deus em alta voz."

Voltar